Arquivo

Posts Tagged ‘virtualização’

Instalando o VMWare vCenter Server 5.0

26 de abril de 2012 42 comentários

 

Hoje estou postando mais um tutorial tela a tela bem simples de instalação do VMWare vCenter Server 5.0.

1 – Escolha a opção vCenter Server e clique em Install; (note que há alguns pré requisitos como o .NET 3.5 SP1 e o Windows Installer 4.5)

 

2 – Escolha o idioma de instalação e pressione OK;

 

3 – Na tele de Welcome apenas pressione Next para a próxima tela;

 

4 – Preencha o User Name, a Organization e a License key caso você tenha, senão pode deixar vazio que ele irá ficar como trial por 60 dias.

 

5 – Agora você precisa escolher entre instalar o Microsoft SQL Server 2008 Experss caso não tenha um BD ou usar um Banco de Dados já existente; (Como eu não tenho vou instalar o Microsoft SQL)

 

6 – Agora você pode escolher a conta que o serviço do vCenter irá utilizar, por padrão utilize a conta SYSTEM que já vem marcada, e abaixo o FQDN do servidor;

 

7 – Nessa tela você escolhe onde será instalado o vCenter Server  e o Inventory Service;

 

8 – Agora você escolhe entre criar uma nova instância standalone (use essa opção se você não tem outro servidor vCenter) ou adicionar esse servidor em um grupo de vCenter usando o linked mode para compartilhar informações;

 

9 – Nessa tela ele mostra as portas que serão utilizadas para o vCenter Server, você pode alterar se precisar; (não recomendo fazer qualquer alteração)

 

10 – Agora são as portas do Inventory Service, da mesma forma elas podem ser alteradas; (não recomendo fazer qualquer alteração)

 

11 – Escolha entre as 3 poções, pequena, média ou grande conforme o tamanho de sua empresa, isso irá influenciar na quantidade de memória utilizada;

 

12 – Nessa ultima tela de configuração você tem uma opção para habilitar caso necessário; (Essa opção aumenta o número de portas transitórias disponíveis, utilize ela se você controla mais de 2000 máquinas virtuais simultaneamente)

 

13 – Agora é só esperar a instalação, primeiro extraindo os arquivos, aguarde;

 

14 – Preparando a instalação do Microsoft SQL 2008 R2 Express, aguarde;

 

15 – Instalando o vCenter Server, aguarde;

 

16 – Instalando o Microsoft SQL 2008 R2 Express;

 

17 – Finalizando a instalação do VMWare vCenter Server;

 

18 – Pronto a instalação esta completa.

 

19 – Após a instalação utilize o vSphere Client para se conectar ao vCenter Server.

 

Esse post foi útil? deixe um comentário.

Como habilitar acesso SSH no VMWare ESXi 5 via vSphere Client (acesso a console)

19 de abril de 2012 7 comentários

No ESXi 5 o acesso SSH vem desabilitado por padrão, mas nós podemos habilitar o acesso com alguns passos bem simples.

No cliente siga os seguintes passos:
1 – Vá para a aba Configuration depois em Security Profile e clique em Properties;

2 – Marque a opção SSH Server e clique em Options;

3 – Em Service Commands clique em Start para iniciar o serviço, depois marque a opção desejada e clique em ok. (se quiser o serviço sempre ativo marque a segunda opção Start and stop with host);

4 – Será apresentada uma tela de alerta do firewall informando que ele foi modificado, clique em Yes;

5 – Ele voltará para a tela anterior e você pode ver na coluna Deamon que o serviço esta rodando, clique em Ok;

6 – Agora você pode ver na figura em Firewall, Incoming Connections que o SSH Server esta na lista.

Pronto seu servidor já esta pronto para ser acessado via SSH.

Esse post foi útil? Deixe um comentário.

Como mesclar (merge) os snapshots manualmente no Hyper-V

18 de abril de 2012 5 comentários

 

O Snapshot é como um disco diferencial ele cria o arquivo .AVHD e deixa o HD original, o .VHD parada sem mais nenhuma alteração.

Para fazer essa operação faça um backup do seu arquivo .vhd e dos snapshots .avhd e então faça o seguinte:

1. Renomeio o arquivo .avhd para vhd;

2. No MMC do Hyper-v escolha a opção Edit Disk;

3. Clique em Next e depois localize o snapshot que será mesclado;

4. Então na próxima tela marque a opção Merge; (Mesclar)

5. Depois será perguntado onde será aplicado o Merge, clique em To the  parent virtual hard disk;

6. Depois que terminar crie uma nova máquina utilizando o VHD resultante do merge.

 

Esse post foi útil? deixe um comentário.

Qual tipo de disco escolher para criar uma máquina virtual no VMware VSphere 5 (Thin Provision ou Thick Provision Lazy Zeroed, Thick Provision Eager Zeroed)

15 de fevereiro de 2012 19 comentários

Quando criamos uma nova maquina virtual ou apenas adicionamos um novo HD virtual a uma máquina na hora da criação temos 3 opções de disco:

Thick Provision Lazy Zeroed;
Thick Provision Eager Zeroed;
Thin Provision.

Primeiro vamos entender o “Zeroed”.

Zeroing – Esse processo sobrescreve todos os dados do disco criado com zeros dessa forma garante que não haja dados escritos no disco e ele pode ocorrer em dois momentos, na criação do disco ou no momento da primeiro escrita no espaçõ não alocado.

Inicialmente vamos dividir os tipos em dois, o Thick e o Thin, essa escolha interfere na economia de disco e também no desempenho.

O Thin – Cria o disco apenas com o espaço utilizado ou seja se você criar um disco de 100 GB e utilizar apenas 10 GB o disco ocupará 10 GB no seu storage e o zeroing ocorre no momento da gravação.
O Thick – Ocupa o espaço total determinado na criação do disco no database e temos dois tipos:
Thick Lazy Zeroed – É o padrão quando criamos um novo disco, ele ocupa o espaço do disco mas o zeroing ocorre apenas na hora da escrita.
Thick Eager Zeroed – Esse tipo faz o zeroing na criação do disco, ela é a mais demorada mas é a mais recomendada para discos que terão muito I/O.

Notas

1 – O Thick Provision Eager Zeroed é o disco mais rápido utilizado principalmente para banco de dados;
2- O Thick Provision Lazy Zeroed e o Thin Provision são mais lentos pois o zeroing ocorre no momento da gravação mas depois que o disco esta totalmente preenchido o zeroing não mais afetará o desempenho e os discos terão praticamente a mesma performance.

Esse post foi útil? Deixe um comentário.

Como adicionar/instalar um novo HD no VMWare ESXi 5

20 de dezembro de 2011 52 comentários

Hoje vou demonstrar como adicionamos um novo disco local no VMWare ESXi 5.

Add new hard disk on VMWare ESXi 5.

Depois de fazer a instalação física do HD no servidor e termos certeza que ele esta sendo reconhecido pelo hardware verificando na Bios siga os passos abaixo:

1 – Entre no vSphere, clique no servidor raíz, vá para a aba Configuration e depois Add Storage;

2 -Em seguida escolha Disk/LUN; (Essa opção permite a você criar um novo datastore a partir  de um storaege ligado por Fibra Ótica, disco local, iSCSI ou simplesmente montar um volume já existente VMFS. ) (a outra opção Network File System é utilizada quando utilizamos NFS)

3 -Será mostrado o HD que não esta sendo utilizado, no meu caso um HD de 1,5 TB, pressione Next;

4 – Aqui você escolhe a versão do Sistema de Arquivo, eu vou utilizar a VMFS-5 pois só utilizo ESXi5 mas caso a sua infra tenha outros servidores mais antigos você deve utilizar o VMFS-3, escolha uma das duas opções e clique em Next;

5 -Será apresentada uma tela com um pequeno resumo do HD, do local onde esta e da partição, e uma mensagem de alerta informando que todos os arquivos serão perdidos pois o layout do HD será alterada, pressione Next;

6 -Escolha um nome para a nova datastore e pressione Next;

7 -Escolha o tamanho do espaço que irá utilizar e pressione Next;

8 -Na última tela temos novamente um resumo para você verificar se esta tudo certo, caso esteja clique em Finish;

9 -Ao clicar em finish na tabela de tarefas você pode ver que o datastore esta sendo criado;

10 -Pronto já esta criado seu novo datastore.

Conclusão: Foi demonstrado como é feita a adição de um novo HD no servidor ESXi 5 e a criação do datastore no novo disco.

 

Esse post foi útil? Deixe um comentário.

Como acessar o datastore do Vmware ESXi pelo Windows

17 de novembro de 2011 36 comentários

Hoje vou demonstrar como é fácil acessar o datastore do VMWare ESXi para colocar arquivos e principalmente ISOs (imagens de CD/DVD) para facilitar a instalação de uma nova máquina virtual sem precisar queimar um disco apenas para isso e além de ser muito mais conveniente pois não é necessário ter acesso ao servidor físico para colocar o CD.

Para isso você precisa apenas do vSphere.

Esse tutorial foi feito com o VMWare ESXi 5 e vSphere 5 mas sei que funciona em outras versões como a 3.5 em diante.

1 –  Acesse o servidor usando o vSphere, vá para a aba Summary e em Resources clique com o botão direito no datastore e escolha Browse Datastore;

2 – Assim que escolher abrirá uma nova janela, clique em New Folder, escreva o nome da sua pasta, no meu caso ISOs e clique em Ok;

3 -Em seguida clique na pasta criada e escolha Upload File, procure a imagem que quer enviar para o servidor e clique em abrir; (caso queira você também pode escolher Upload Folder para enviar uma pasta inteira para o servidor)

4 -Antes do arquivo ser enviado aparecerá uma janela de aviso informando que caso já exista um arquivo com o mesmo nome ele será substituído apenas clique em Yes;

5 -Depois da confirmação o arquivo será transferido;

6 -Ao término a sua imagem já esta no servidor dentro do Datastore, você pode ver o arquivo do lado direito, feche a janela;

7 -Agora ao criar uma nova máquina ou mesmo em uma já existente vá para CD/DVD drive e em Device Type marque Datastore ISO File e clique em Browse;

8 -Abrirá uma nova janela, escolha o seu datastore e clique em open;

9 -Procure pela pasta que você criou e dentro dela a ISO que foi enviada para o servidor e clique em open;

Pronto agora a ISO já esta configurada para ser utilizada em uma máquina virtual.

Essa é a maneira mais simples de se transferir arquivos para um servidor ESXi pelo Windows, não sendo necessário qualquer outra ferramenta para o acesso além do vSphere que você já tem instalado pois seu uso é obrigatório com servidor ESXi que não tem console de gerenciamento.

Seguindo esses passos você conseguirá facilmente enviar todas as ISOs necessárias para o seu servidor facilitando a troca de CDs ou pen drives toda vez que você precisar criar uma nova máquina virtual.

 

Esse post foi útil? Deixe um comentário.

Como converter uma maquina fisica ou virtual para virtual da VMWare (p2v ou v2v)

31 de outubro de 2011 5 comentários

Com a instalação da ESXi 5 tive a necessidade de passar minhas máquinas virtuais que hoje estão rodando em Hyper-V para VMWare.

Para essa tarefa utilizei o VMWare vCenter Converter Standalone 5.0, é uma ferramenta gratuita da VMWare que pode ser baixada aqui, com ela você pode transformar uma maquina física ou mesmo virtual de outra plataforma para uma virtual compatível com VMWare, essa conversão é chamada de p2v (physical to virtual) e v2v (virtual to virtual) por exemplo passar de vhd (Hyper-V da Microsoft) para vmdk (VMWare).

Com o VMWare vCenter Converter Standalone podemos criar uma maquina virtual do tipo mvdk criando um arquivo de configuração e um HD virtual que pode ser aberto com o outros produtos da VMWare como o Server, Workstantion e Player por exemplo, se você tiver um servidor com ESX instalado é possível transferir diretamente para o servidor.

A instalação é simples e a conversão também é muito fácil de se fazer.

Irei demonstrar passo a passo a instalação e a conversão de uma maquina para um arquivo mvdk que será salva em um local da rede, a instalação será local ou seja o software será instalado na própria máquina que será convertida.

Apesar da VMWare informar que você pode utilizar a máquina durante a conversão prefira deixar ela parada sem uso para que a conversão seja mais rápida e que você corra menos risco de haver algum problema.

1 -Iniciando a instalação clique em Next para continuar;

2 – Acordo de patente, clique em Next para continuar;

3 – Licença de Acordo de usuário final, marque “I agree to …” e clique em Next para continuar;

4 – Escolha o local de instalação e clique em Next para continuar;

5 – Como a instalação é na própria máquina vamos deixar a opção “Local installation” marcada e clique em Next para continuar;

6 – Clique em Install para iniciar a instalação;

7 – Aguarde a instalação;

8 – Deixe a opção “Run Client now” marcada e clique em Finish;

9 – A tela inicial será aberta, clique em Convert machine para iniciar a configuração;

10 -Escolha a opção “Powered-on machine” e “this local machine”, clique em “view source details” para ver informações de configuração, quantidade de memória, tamanho de disco, sistema operacional e mais;

11 – Tela apresentando os detalhes da máquina, clique em Close, depois clique em Next para continuar;

12 – Nessa tela você escolhe o destino, ela pode ser um local da rede, a própria máquina ou mesmo sua infraestrutura de VMWare mandando diretamente para um servidor ESXi por exemplo.

Escolha a opção “VMWare Workstation or other VMWare virtual machine” que a tela irá se alterar;

Caso o destino seja um servidor com ESX escolha a opção “VMWare Infrastructure virtual machine” coloque o IP ou nome do servidor, o usuário e a senha de administradores, o mesmo que você utiliza para acessar a console e fazer alterações e clique em Next e pule para o passo 16;

13 – Escolha o produto VMWare que você irá utilizar para executar a máquina virtual, nesse caso escolhi a “VMWare Player 4.0.x”, Coloque um nome para a máquina e clique em Browse para escolher o local; (não é possível escolher uma mapeamento da máquina e nem escrever diretamente no campo,, é preciso clicar no botão)

14 – Escolha a pasta de destino onde será gravada a máquina virtual e clique em OK;

15 – Nessa tela você pode editar algumas configurações como tamanho de disco que pode ser aumentado ou diminuído, quantidade de memória e até mesmo a quantidade de processadores que a máquina irá ter depois da conversão além de serviços que podem ser desabilitados e a placa de rede que será utilizada, clique em Next para continuar;

16 – Tela de sumário, confirme se as opções escolhidas estão corretas e clique em Finish para iniciar a conversão.

Depois de terminar será criada uma pasta com o nome da máquina que você especificou e dentro terá dois arquivos, um arquivo nome_da_maquina.vmdk (Virtual Machine Disk) e outro nome_da_maquina.vmx (Virtual Machine configuration file).

Com esses arquivos você pode abrir a máquina virtual com o VMWare Player, Server ou mesmo Workstation.

Quando você abrir a máquina virtual em outro computador é possível que seja solicitada a ativação do windows devido a alteração do Hardware, faça a ativação e sua máquina virtual estará pronta para o uso.

Esse Post foi útil? Deixe um comentário.

Como Instalar ESXi 5 da VMWare

31 de outubro de 2011 1 comentário

Recentemente adquirimos um novo servidor para fazer virtualização com VMWare.

E vou demonstrar como fazer a instalação do ESXi 5.

Antes de mais nada é preciso verificar se o seu equipamento esta na HCL da VMWare, caso você não tenha um servidor ou storage homologado que esta na lista e queira fazer testes tem um outro site não oficial o vm-help.com onde informa outros equipamentos como computadores HP, Dell, IBM, Lenovo entre outros além de placas mãe como Asus, Biostar, Foxconn, Gigabyte, Intel, MSI e outras mais que funcionam com o ESX, você pode ver a lista “Unofficial VMware ESX Server Whitebox HCL“.

A instalação é bem simples e demora poucos minutos dependendo do hardware.

Para fins de teste você pode baixar gratuitamente o ESXi 5 do site da VMWare aqui, caso não tenho uma conta é só se cadastrar nessa mesma página.

Após baixar a mídia e gravar em um CD e só colocar no servidor e seguir os passos:

1 – Na tela inicial você escolhe a primeira opção que é o boot pelo CD;

2 – Na Segunda tela os arquivos do CD são carregados;

3 – Depois dos arquivos carregados é feita a verificação do hardware;

4 – Nessa tela ele informa que o hardware deve ser instalado se ele estiver listado na HCL, pressione Enter para prosseguir;

5 – A próxima tela é mostrada o Acordo de Licença (EULA), pressione F11 para aceitar e continuar;

6 -Aqui você escolhe o local de instalação, escolha o HD onde será feita a instalação e pressione Enter;

7 -Escolha o layout do teclado e pressione Enter;

8 -Insira uma senha com mínimo de 7 caracteres e pressione Enter;

9 -Ultima verificação do sistema, apenas aguarde;

10 -Confirmação de instalação, informa que o disco será reparticionado e perderá todos os dados, pressione F11 para instalar;

11 – Tela de progresso de instalação;

12 – Instalação completa, retire o CD e pressione Enter para reiniciar;

13 – Reiniciando o Servidor;

14 – Após reiniciar o servidor a tela abaixo é apresentada, caso tenha um servidor DHCP o servidor irá adquirir um IP automaticamente e será mostrado um link para acesso via browser, onde será apresentada uma página para fazer o download dos gerenciadores, como o vSphere Client ou vCenter, pressione F2 para para entrar no sistema;

15 – Digite a senha e pressione Enter;

16 – Tela de configuração, Escolha a opção “Configure Management Network” e pressione Enter;

17 – Tela de configuração de IP, pressione Enter para configurar;

18 – Como todo Servidor o correto é colocar um IP estático para que não tenha a possibilidade de mudar automaticamente e perder o acesso, coloque o IP, mascara e gateway e pressione Enter;

19 -Caso utilize IPv6 pode fazer a configuração nessa tela;

20 -Como na configuração do IP, coloque estático escolhendo a segunda opção, adicione o IP do DNS Primário e Secundário se tiver e por fim o nome de host seguido do domínio se houver, pressione Enter para salvar;

21 – Insira o domínio da sua rede e pressione Enter;

22 -Ao terminar as configurações de rede pressione Esc para sair;

23 – Será apresentada uma tela informando que foram feitas alterações de rede e que é necessário a confirmação, caso esteja tudo correto pressione Y para confirmar;

24 -Feita as configurações necessárias pressione Esc para sair;

* Caso queira entrar no link que mencionei no passo 14 ele irá mostrar a tela abaixo, onde há um link direto para baixar o vSphere Client que é por onde iremos administrar o ESXi 5, além de outros links como para o VMWare vCenter, ou clientes de acesso remoto via linha de comando (vSphere Remote Command Line).

 

Com isso demostramos aqui os passos necessários para a instalação do VMWare ESXi 5 bem como as configurações iniciais de rede para se fazer o acesso via vSphere.

Agradecimento ao Gilson Bueno que editou as imagens para o blog.

Esse Post foi útil? Deixe um comentário.

Veja as informações do seu processador – coreinfo

20 de outubro de 2011 Deixe um comentário

Depois de um bom tempo sem nenhuma atualização no blog achei uma ferramenta interessante da sysinternals que foi lançada recentemente, a coreinfo.

Ela mostra todas as informações do seu processador, o que pode ser muito interessante se você quer utilizar a máquina para fazer virtualização assim pode-se saber se o processador tem a tecnologia compatível, se é 64 bits e a quantidade de cache por exemplo.

Para utilizar só é preciso baixar o coreinfo e executar via linha de comando.

Coreinfo 1

Coreinfo 2

Esse Post foi útil? Deixe um comentário.

Microsoft iSCSI Target grátis

6 de abril de 2011 Deixe um comentário

Um dos grandes problemas de se fazer um cluster em ambiente de testes é a ausência de um storage e para contornar esse problema utilizamos ferramentas como o FreeNAS ou o Starwind para criar storages iSCSI e conectá-los nos servidores.

Agora temos usa solução que Microsoft lançou nessa segunda-feira 04/04/2011 sua mais nova versão de iSCSI Target e o melhor de graça.

Para fazer o download do Microsoft iSCSI Software Target 3.3 acesse http://www.microsoft.com/downloads/en/details.aspx?FamilyID=45105d7f-8c6c-4666-a305-c8189062a0d0 e baixe um arquivo chamado “iSCSITargetDLC.exe”

Lembrando que esta versão funciona apenas no Windows Server 2008 R2 mas pode muito bem ser utilizado com o Hyper-V.

Após fazer o download e executar o aplicativo ele irá extrair os arquivos.

extraindo os arquivos

Ao término da extração do arquivos abrirá uma página com documentações, links para o forum e a página da Microsoft relacionada com o assunto, um guia para planejamento e para fazer a instalação do software.

Tela de início

Esse Post foi útil? Deixe um comentário.

%d blogueiros gostam disto: